irl.s-cars.com.ua
Wikimedia does not decide for itself what is a language and what is a dialect. We follow the ISO 639 standard. Every Wikimedia language edition is required to have a valid ISO 639-1 or ISO 639-3 code. Every language with an ISO 639-1 code also has a ISO 639-3 code, but not vice versa
How to start a new test wiki? If you are here to start a new language edition of a project, you can find all information on Help:Manual. Please be aware of the local policy
Questa pagina contiene una lista ufficiale dei progetti Wikipedia nelle diverse lingue. Le edizioni in fase di prova sono elencate alla pagina Wikimedia Incubator Wiki project
A extradição é o processo oficial pelo qual um Estado solicita e obtém de outro a entrega de uma pessoa condenada ou suspeita da prática de uma infração criminal
No direito, nacionalidade é o vínculo jurídico de direito público interno entre uma pessoa e um Estado.[1] A nacionalidade pressupõe que a pessoa tenha determinados direitos frente ao Estado de que é nacional, como o direito de residir e trabalhar no território do Estado, os direitos de votar e de ser votado (estes, conhecidos como de cidadania), o direito de não ser expulso ou extraditado e o direito à proteção do Estado (inclusive a proteção diplomática e a assistência consular, quando o nacional se encontra no exterior), dentre outros
Publicações periódicas, em geral designadas simplesmente como periódicos são publicações em papel ou em meio eletrônico que geralmente são publicadas em intervalos de tempo regulares e pode de assunto específico ou de assuntos vários
No âmbito textual, citação, segundo a norma NBR 10520:2002 do Comitê Técnico de Informação e Documentação, numa produção textual é a "menção de uma informação extraída de outra fonte", tais como livros, periódicos, vídeos, sites, etc
Citar fontes (citação) mostra ao leitor a verificabilidade do artigo e o auxilia a encontrar mais informação. Se você consultar uma fonte externa ao escrever um artigo, citá-la é honestidade intelectual básica. Mais que isso, você deve procurar ativamente por referências de fontes respeitadas para citar. Se está escrevendo a partir de seu próprio conhecimento, então deve saber o suficiente para identificar boas referências que o leitor pode consultar sobre o assunto — você não estará sempre por perto para responder perguntas. E mais, isso força você a confirmar seus fatos, e você pode descobrir que não sabe tudo. O ponto principal é ajudar o leitor — cite tudo que você pense ser mais útil
A natureza humana faz referência ao conjunto de traços distintos - incluindo maneiras de pensar, sentir ou agir - que os seres humanos tendem a ter, independente da influência da cultura. As questões sobre quais são essas características, o quanto elas podem ser mudadas, e o que as causa estão entre as questões mais antigas e importantes da filosofia ocidental. Tais questões têm impactos imensos em ética, política e teologia, bem como em arte e em literatura. Os múltiplos ramos das ciências humanas exercem um papel importante nesse debate. [1
Cristianismo (do grego Xριστός, "Christós", messias, ungido, do heb. משיח "Mashiach") é uma religião abraâmica monoteísta[1] centrada na vida e nos ensinamentos de Jesus de Nazaré, tais como são apresentados no Novo Testamento.[2] A fé cristã acredita essencialmente em Jesus como o Cristo, Filho de Deus, Salvador e Senhor.[3] A religião cristã tem três vertentes principais: o Catolicismo Romano (subordinado ao bispo romano), a Ortodoxa Oriental (se dividiu da Igreja Católica em 1054 após o Grande Cisma) e o protestantismo (que surgiu durante a Reforma do século XVI). O protestantismo é dividido em grupos menores chamados de denominações. Os cristãos acreditam que Jesus Cristo é o Filho de Deus que se tornou homem e o Salvador da humanidade, morrendo pelos pecados do mundo. Geralmente, os cristãos se referem a Jesus como o Cristo ou o Messias
Religião (especulam-se várias origens etimológicas.[1] Detalhes na seção etimologia) é um conjunto de sistemas culturais e de crenças, além de visões de mundo, que estabelece os símbolos que relacionam a humanidade com a espiritualidade e seus próprios valores morais.[2] Muitas religiões têm narrativas, símbolos, tradições e histórias sagradas que se destinam a dar sentido à vida ou explicar a sua origem e do universo. As religiões tendem a derivar a moralidade, a ética, as leis religiosas ou um estilo de vida preferido de suas ideias sobre o cosmos e a natureza humana